Amigos do Crivella

Ministro em reunião com pescadores: “Grito da Pesca”

Deixe um comentário

g

Milhares de pescadores vindos de muitos estados do nordeste se reuniram no sábado para ouvir o Ministro da Pesca Marcelo Crivella para falar da nova carteira do pescador e de como podem acessar os recursos do Plano Safra da Pesca e Aquicultura para trocar, reformar ou comprar um barco, adquirir redes e outros petrechos de pesca ou como iniciar paralelamente o cultivo de peixes na aquicultura.
Além disso receberam do Ministério da Pesca a primeira unidade odontológica móvel que vai atender os pescadores e suas famílias.
g1
O Ministro Marcelo Crivella terminou seu discurso lendo a oração que fez pelos pescadores:
Quando o pescador sair prá pescar e for prá bem longe no mar que Deus o ajude a voltar.
 
Quando o pescador sair prá pescar que Deus o proteja da chuva, da força das ondas, do vento frio a soprar.
 
Quando o pescador sair prá pescar que a rede que ele  lançar traga peixes para comer, para vender e se um pobre com fome encontrar, ajudar.
 
Quando o pescador sair prá pescar que Deus lhe dê paciência quando no lixo do mar a  sua rede rasgar. 
 
Quando o pescador sair prá pescar que Deus lhe proteja a familia, na sua ausência do lar, que é o preço mais alto que o  peixe  lhe obriga a  pagar.
 
Quando o pescador sair prá pescar que  haja fartura nas águas e gaivotas no céu a voar, que haja  vento na vela e  as ondas que cruzam o mar, que resplandeça a esperança no brilho do seu olhar.
 
Quando o pescador sair prá pescar que Deus abra seus olhos para ver o peixe no mar e a ternura no olhar de quem ama quando prá casa voltar, mas acima de tudo ele  veja a  graça do seu Criador e o amor de Jesus lá na cruz, por onde quer que andar.
 
Quando o pescador sair prá pescar e nada pegar, e na volta cansado no seu barco chorar, que cada lágrima vertida seja dada ao mar que delas há de lembrar quando amanhā novamente  o pescador sair para pescar.
 
E quando o pescador enfim nāo puder mais sair prá pescar que Deus o guarde da maresia da alma, da melancolia, e não lhe tire a alegria, de olhar o mar e orar, quando  um outro pescador, em seu lugar, sair prá pescar.
 
Foi Deus quem te fez pescador, tua alma e o mar se unir. Tu pensas que és dono do mar, mas o mar é que é dono de ti.
 
Senhor, abençoai o pescador!
Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s