Amigos do Crivella

Vitória de Crivella no Rio consolida PRB no cenário político, diz ministro

Deixe um comentário

img_8584Rio é a primeira capital em que a legenda conquista o Executivo municipal

O ministro da Indústria, Comércio Exterior e Serviços, Marcos Pereira, afirmou que a eleição de Marcelo Crivella (PRB) à Prefeitura do Rio de Janeiro, o segundo maior colégio eleitoral entre as capitais brasileiras, tem uma “importância ímpar, singular” para o Partido Republicano Brasileiro, que completou 11 anos em agosto passado. O Rio de Janeiro é a primeira capital em que a legenda chega ao Executivo municipal.

— A conquista do Rio mais o que a gente conquistou no primeiro turno, as demais cidades em todo o Brasil, consolida o partido como um partido político que veio para ficar.

Com 99,99% dos votos apurados, Crivella somou 59,37% (1.699.888 votos) dos votos válidos contra 40,63% de Freixo (1.163522) — uma vantagem de quase 20 pontos percentuais. Foram contabilizados 26,85% de abstenções (1.314.805), 4,18% de brancos (149.857) e 15,9% de nulos (569.501).

Para Pereira, as propostas de Crivella e a rejeição dos eleitores a partidos de esquerda, como o Psol, levaram à ampla vantagem do candidato do PRB em relação a Freixo.

— A sociedade do Rio de Janeiro escolheu por aquilo que é mais coerente, por aquilo que tem mais aproximação com o que ela espera para um prefeito. O Psol e o próprio candidato Freixo têm posições muito mais radicais e a sociedade mostra que não está prestigiando, não só com essa eleição aqui do Rio, mas com a eleição do Brasil como um todo, a chamada esquerda, sobretudo, a esquerda mais radical que é da onde vem o candidato que perdeu as eleições.

Sobre a futura relação de Crivella com o governo federal, o ministro disse que ela deverá avançar com as parcerias que já existem com o Rio de Janeiro. Pereira afirmou que secretários do governo do Acre, comandado pelo PT, disseram a ele que são hoje mais recebidos pelos ministérios do que antes e definiu o governo Temer como “o governo do diálogo”.

— Um prefeito, de qualquer cidade, mas sobretudo de cidades grandes como o Rio de Janeiro, não pode prescindir de ter uma boa relação com o governo central e com o governo estadual. Isso é importante para a cidade. Zerou a eleição, acabou a eleição, vamos pensar na governabilidade e no que é melhor para a população.

Em seu primeiro pronunciamento após a vitória, no Bangu Atlético Club, na zona oeste do Rio, Crivella afirmou que vai buscar parcerias com o governo federal. Ele também afirmou que pretender ir a Brasília, na terça-feira (1º), com intuito de conseguir investimentos para cidade.

— Em Brasília, [vou buscar] apoio, convênios e recursos, tudo isso que eu fiz como senador durante 15 anos. Agora, espero que a bancada do Rio possa me ajudar. Sempre fui um despachante do Rio no Congresso, agora conto com essa experiência para trazer recursos e convênios para o Rio.

Anúncios

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s